quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Resenha: Ajin 2 #EP02


Ajin 2  Ep. 02 - 

E Depois de tanto aguardar o segundo episódio, para quem está acompanhando viu que Satou começou a agir com a segunda onda e comparado ao episódio passado este melhorou em alguns aspectos. Depois de matar o cientista cirurgião dessa vez a segunda vitima foi assassinada dentro de um avião, mas antes de chegarmos a essa parte vamos falar como foi o inicio deste episódio. 


Olha quem diria que para assassinar a segunda vitima precisaria de um disfarce e ele fez certo porque se não iria se descoberto e do jeito que Satou é poderia causar um grande alvoroço em tal lugar. Os outros ajins companheiros também servem para alguma coisa né, pelo menos criaram um disfarce para que ele não fosse reconhecido que até nem mesmo o Tanaka acreditou que era o Satou por debaixo dessa máscara. Já os garotos Kei e Kou estavam sendo treinados pelos homens de Tosaki e pelo que vimos era um treinamento físico. Era bem provável que o Kou se sairia bem nessa, apesar de ser meio burro ele é o músculo da equipe e enquanto o Kei?. Ah o Kei sem duvidas e a cabeça da equipe. 


Não que isso seja inegável, mas é realmente a verdade temos dois rapazes opostos ali, mas ambos teriam que aprender mais um pouco do outro, não adianta ser belo e ter um bom físico se a cabeça é cheia de miolos não é mesmo Kou? E Kei não adianta ser inteligente (Ou um estrategista), se não souber lutar em um campo de batalha. E o Kou já tá caidinho pela Shinomura, eu duvido muito que aconteça algo entre eles. Os dois jovens rapazes tiveram um encontro com aquele pesquisador americano viciado em cigarros e o pobre coitado do Kou além de ser gentil acabou sendo ignorado. 


Porque as pessoas morrem? Bom é bem obvio Ogura-san é o destino que nos prepara isso sem mesmo sabermos quando ira acontecer isso pode ser algo inesperado também... Alguém avisa para este cientista americano que o Ajin do Nagai é um ajin descontrolado. Pois é nem mesmo dando as ordens ao seu próprio Ajin o Kei não consegue e o Ogura iria ser mais uma vitima se caso o Ajin de Nagai cometesse algo de errado. Mas não para por ai não e o cara não teve medo, pois o alvo nem foi ele mesmo. 

Kei teria o ajin desde pequeno isto não seria um fato até mesmo os flashbacks mostram isso, apesar de ele acreditar ou fazer os outros acreditarem que ele tem o ajin em poucos meses. e cá entre nós o Ajin de Kei é um descontrolado por causa de suas emoções ou o seu modo de agir e mesmo que ele acredite que viu o Ajin pela primeira vez quando pequeno, jamais revelaria isso tão cedo tanto para Ogura quanto para Tosaki. 


Que belo disfarce hein Satou, nem mesmo a mulher que lhe atendeu o reconheceu, Pois bem a sua próxima vitima foi Sakurai que mesmo escapando dos tiros do vilão foi morto pelo fantasma do velho. Já o Kei demonstra um comportamento estranho depois de sua conversa com o cientista americano, o garoto pouco se importa até com o que aconteceu com o seu melhor amigo Kaito. Ou seja ele tá parecendo mais um daquelas pessoas que quando recebem ajuda de pessoas outras pessoas, acaba descartando-a de suas vidas depois, achando que está se sentindo bem, mas não é um nada. 


O Ajin de Kei é tão descontrolado que atacou até o próprio hospedeiro (pra não dizer outra coisa) e dizia diversas vezes a palavra "Idiota", enquanto atacava uma arvore e a pergunta é será que o Ajin de que Kei é assim por causa do seu devido comportamento?. Se Kei acha que as pessoas são tão idiotas o que ele é então?. Bom e este foi mais um episódio de Ajin apesar do atraso dos episódios e do post eu já assisti o terceiro episódio, mas não quis falar aqui por conta deste que eu já estava preparando portanto semana que vem eu trago o próximo post falando do terceiro episódio aqui para vocês. 

Minha Opinião sobre este episódio

Comparado ao anterior este até que foi melhorzinho cada vez mais os mistérios veem sendo desvendados tanto sobre os ajins como também os personagens e espero que continue assim, até a próxima. 

nota do ep.02 - 7.5

Nenhum comentário:

Postar um comentário