sábado, 20 de agosto de 2016

Mitologia Japonesa: Yamata no Orochi


Segundo a Mitologia Japonesa, Yamata no Orochi (八岐の大蛇) é uma criatura que possui oito cabeças, oito caudas e olhos vermelhos. Yamata no Orochi é um poderoso demônio Õkami, segundo sua lenda, cada cabeça controla uma habilidade especifica, sendo seu corpo extenso para cobrir oito picos e oitos vales, seu corpo por muitas vezes manchado de sangue e recoberto de musgo e árvores. Anualmente a criatura exigia que oito virgens fossem sacrificados em seu nome.

Mitologia



Nas antigas terras de Izumo, uma bela princesa chamada Kushinada que havia completado 16 anos, Orochi que amaldiçoava Izumo, ordenou que oito donzelas fossem sacrificadas a cada lua cheia, para que dessa forma seu desejo fosse saciado e a província poupada e com o passar do tempo as donzelas foram sumindo pelos campos, restando apenas a linda princesa Kushinada. 


Nessa mesma época Susano no Mikoto ao ser expulso dos céus, estava por aquela região e se deparou com a princesa chorando inconsolável, um casal de idosos foi quem se aproximou e  contou a tristeza história e destino que estava tendo todas as suas filhas, em promessa Susano prometeu dar um fim na grande serpente, com a simples condição que era se casar com a princesa. 

Na noite do sacrifício, foram oferecidas a Orochi, oito jarras de saquê, um servo submisso as trouxe de cabeça baixa e sugeriu a grande fera que primeiro ela se entreter com o álcool para depois aproveitar a esperada refeição. A serpente aceitou e sem muito pensar mergulhou suas cabeças nas oitos jarras de saquês. 

Ao perceber a bebedeira de Orochi, o servo submisso, mostra sua verdadeira identidade. O deus do trovão Susano no Mikoto trajando sua espada cortou rapidamente cada cabeça e de seu ventre caiu o sagrado orbe da vida (Magatama), embaixo de seu enorme corpo entre suas escamas foi encontrada a espada Kusanagi Tsurugi e da última cabeça rolou uma lágrima, essa que se tornou o Espelho de Kagami. 

Conhecidos posteriormente como "Os três tesouros sagrados do Japão". 

Em forma de presente, a sua irmã Amaterasu (Deusa do Sol) a espada Kusanagi foi deixada em Izumo e o espelho de Kagami e o orbe magatama foram dadas a princesa Yata, irmã mais nova de Kushinada. 

Sua simbologia é tão referenciada que o espelho Kagami, é representada no sol da bandeira nacional do Japão, a espada kusanagi representa a origem de Bushido (O caminho dos Samurais), As jóias magatama são uma referencia as riquezas do País. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário